terça-feira, junho 26, 2007
irrelevâncias
O que significam todas as palavras, histórias e textos da Bíblia?

Quase nada de importante. São sobretudo histórias para entreter.

Não sou eu que o digo. Foi Jesus.

Como escreveu João César das Neves, "o mandamento que o Senhor nos deu, o único mandamento que nos deu, foi precisamente esse: 'O meu mandamento é este: Que vos ameis uns aos outros como eu vos amei (Jo 15 12)'. Ele só nos deu este mandamento."
(João César das Neves, "Parábolas sobre Jesus", Principia, pags. 102/103)

Um mandamento é a única coisa importante na existência humana e Jesus só nos deixou esse.

Algumas histórias da Bíblia, sobretudo em alguns textos do Novo Testamento e, sobretudo, sobretudo, algumas parábolas de Jesus, são simples variações da única coisa realmente importante que aparece na Bíblia. O mesmo se pode dizer do Catecismo da Igreja Católica, das palavras do Papa e de outros textos santos.

Por vezes ajudam a nossa consciência a tomar as melhores decisões para escolher esse único mandamento que Jesus nos deixou. É por isso que não são completamente irrelevantes.

timshel
posted by @ 5:21 da manhã  
4 Comments:
  • At 26 de junho de 2007 às 10:21, Blogger Hadassah said…

    Olá Tim,

    É verdade que se todos cumprissemos este mandamento, literalmente, os problemas do mundo estariam resolvidos. (embora que falte parte do mandamento, que é Amar também a Deus de todo o nosso coração, entendimento e forças).

    Mas não concordo que o resto sejam "sobretudo histórias para entreter".

    Depois de amarmos e de nos reconciliarmos com Deus e com os homens, existe a necessidade de crescimento e de amadurecimento espiritual, do ponto de vista da relação com Deus, e é o "resto" da Bíblia que dá resposta a essa necessidade.

     
  • At 26 de junho de 2007 às 14:36, Blogger MC said…

    Ó Tim, tu és um brincalhão:

    César das Neves e o "ama e faz o que quiseres...".

     
  • At 27 de junho de 2007 às 00:56, Anonymous Anónimo said…

    timshel

    Tentando ser sucinto.
    Amar como? Como Jesus amou. Como se sabe a forma como Jesus amou? Através dos Evangelhos (e restante Novo Testamento).
    Depois, o “amar a Deus acima de todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos” é a base da Lei e dos profetas (Antigo Testamento) (Mateus 22: 36 a 40).É por isso que Jesus não vem revogar a Lei, mas cumpri-la (Mateus 5:17). O Amor é o fundamento do Cristianismo. Mas não é um amor “faça você mesmo”. Tem o guia de instruções preciso na Bíblia.

     
  • At 27 de junho de 2007 às 05:55, Blogger timshel said…

    caro anónimo

    repara que eu não disse que as outras coisas fossem irrelevantes

    o que eu sublinhei foi que Jesus apenas nos deixou esse mandamento

    ele não disse "o meu mandamento é que leiam a Bíblia ou que leiam o Catecismo"

    e o mandamento do Amor vai de facto explicitado em diversas parábolas de Jesus

    mas esse mandamento não é assim tão complicado como isso de definir; ele é é, por vezes, difícil de aplicar

    cada vez que estamos numa relação com outrém ele traduz-se em diversos comportamentos que têm em comum algo de muito simples: visam apenas a felicidade desse outrém

     
Enviar um comentário
<< Home
 
 
Um blogue de protestantes e católicos.
Já escrito
Arquivos
Links
© 2006 your copyright here