quinta-feira, maio 17, 2007
Da ignorância
Desde que Lutero descobriu, através dos seus altíssimos critérios de sola scriptura, que haveria uma incompatibilidade entre a epístola de S. Tiago e as cartas de S. Paulo, pois era óbvio e garantido que a doutrina da sola fide estava explícita nas Escrituras e decorrentemente a epístola de S. Tiago era "uma epístola de palha sem carácter evangélico", que os protestantes se especializaram na religião-à-la-carte-o-que-me-apetece-pensar-sobre-isto-hoje-mas-é-tudo-bíblico.

Tal como Lutero, que nunca lhe passou pela cabeça o fantástico que era em 1500 anos nunca ninguém se ter apercebido de tão óbvia incompatibilidade (sendo que tudo o resto que afirma à cerca da canonocidade das Escrituras é basicamente baseado em S. Jerónimo), também o Nuno nos vem revelar que o dogma da Infabilidade Papal é falso porque a Igreja "pactoou" com o regime nazi. Formidável!

Mas o que é um dogma? Um dogma é um conteúdo implícito à revelação divina que deve ser aceite pela Fé. Como conteúdo implícito que é, o facto do dogma ser identificado num dado momento na história, não implica que apenas comece "a contar" daí em diante. Não, acredita-se que através do Magistério vivo da Igreja se aprofundou os conteúdos da revelação e que portanto esse enunciado diz respeito à revelação desde o princípio dos tempos (ou neste caso, da Igreja). Portanto Nuno, não percebo a tua falta de imaginação.

Afinal, esta é a Igreja das cruzadas, da Inquisição, de papas com amantes e que mantinham relações incestuosas com as filhas, de excomunhões e de persiguições, tudo clara e historicamente sancionado e muitas vezes até ordenado directamente pelo Papa. Para quê ires buscar um vídeo claramente feito por um indigente mental que relaciona coisas que não têm qualquer relação e enuncia os maiores disparates sobre um tema onde a Igreja foi medíocre é certo, mas onde também é certo que não colaborou activamente?

Formidável ainda é nada disto ter passado pela cabeça da hierarquia. Já desde de S. Tomás Aquino que se discutia a infabilidade do Magistério na figura do papa, mas pasme-se, como ainda não tinha existido a colaboração criminosa com os nazis, o pobre do S. Tomás não estava à par das últimas informações assassinas, flagrantemente chocantes que deitam por terra tudo isto.

Sobre o dogma da infabilidade papal falo já a seguir (e o que de facto ele significa). Este post foi só para demonstrar o meu espanto com a tua falta de imaginação!

Antonius Block
posted by @ 1:16 da tarde  
4 Comments:
  • At 17 de maio de 2007 às 14:15, Blogger David Cameira said…

    Olha um post " apocrifo " / n asinado, será da autoria de quem ? do anticrsito.....

    " o dogma da Infabilidade Papal é falso porque a Igreja "pactoou" com o regime nazi. "

    Ver se nos entendemos:

    O dogma da infalibilidade papal é uma mostruosidade infernal ( mm q restringido ás declarações dogmáticas qd proferidas " EX CATEDRA " )

    aGORA O PAPA SEWR, TER SIDO OU NÃO SIDO NAZI ...É PRO LADO Q EU DURMO MELHOR PQ
    1 - é pecado q só a ele responsabiliza

    2 - O Papa João Paulo II já perdiu perdão pelos ERROS DA IGREJA CATÓLICA e esse perdão deve estender-se ao facto de tem um sumo pontificie q tera sido colaboracionista ( admitindo q o q o Nuno diz é verdade coisa q eu nem confirmo nem desminto )

    3 - a mim preocupa-me mais é o governo do Portugal democratico nao ter honrado e cuidado das familias de ARISTIDES DE SOUSA MENDES E DE SALGUEIRO MAIA

    Esses sim, católicos com um " C " maiusculo

     
  • At 17 de maio de 2007 às 14:25, Blogger Antonius Block said…

    Caro David,

    Já assinei. Espero não me qualificar ainda como anticristo. Julgo estar demasiado em baixo na hierarquia católica para merecer tal epíteto.

    Um abraço, em Cristo (ou no anti-Cristo ao que parece)

     
  • At 17 de maio de 2007 às 14:25, Blogger David Cameira said…

    Este comentário foi removido pelo autor.

     
  • At 17 de maio de 2007 às 14:30, Blogger David Cameira said…

    Afinal já n é " apocrifo " / n asinado por isso já n pode ser " do anticrsito "

    Antónius claro que n te considero o " coiso " por isso 1 abraço em CRISTO

     
Enviar um comentário
<< Home
 
 
Um blogue de protestantes e católicos.
Já escrito
Arquivos
Links
© 2006 your copyright here